QUAL A REAL CAUSA DO FECHAMENTO DA UNIDADE FABRIL DA FORD NO ABCD PAULISTA ?

 

No dia 19 de de fevereiro deste ano o mercado foi surpreendido pela noticia do fechando da planta industrial da Ford na cidade de São Bernardo do Campo , trata-se de uma planta fabril emblemática para a industria automotiva nacional, pois em 1967 logo apos adquirir a Willys Overland do Brasil, a  Ford iniciou suas atividades e das linhas de produção ao longo de anos foram produzidos modelos icônicos como o Jeep , o utilitário Rural , e veículos de passeio iniciando pelo Corcel, Maverick e passando por , Del Rey, Pampa, Escort e  Ka.

 

Além do fator histórico, o fechamento desta fabrica provocará  grande impacto social e econômico na região representando uma grande perda para toda a comunidade. Como argumento a empresa se manifestou em nota oficial com a seguintes seguintes justificativas :

 

“A manutenção do negócio teria exigido um volume expressivo de investimentos para atender às necessidades do mercado e aos crescentes custos com itens regulatórios sem, no entanto, apresentar um caminho viável para um negócio lucrativo e sustentável”

 

A reação veio rapidamente por parte da sociedade, sindicatos, poder publico, associações de classe e outros, e todos com uma retórica comum, buscar quem ou oque seria de fato o responsável por esta decisão, acusações foram trocadas com a culpa sendo atribuída principalmente a pressão sindical na região, as leis trabalhistas , capitalismo selvagem, falta de subsídios do governo, neo liberalismo, guerra fiscal entre estados e etc . Porém o mais importante não foi observado, quais seriam as reais causas do fechamento de uma planta industrial que no passado representou um dos maiores orgulhos do segmento automotivo nacional e atualmente operava com 80% de capacidade de produção ociosa ?

 

Podemos atribuir esta triste decisão a dois fatores básicos que são interligados, "mix de produto e não atendimento aos anseios do mercado",  pois ao longo dos anos a empresa negligenciou as mudanças no mercado, se no passado modelos como Corcel II, Del Rey, Escort Ghia e XR3 eram tidos como objetos de desejo e sonhos de consumo, a chegada de novos modelos e montadoras ofertaram ao mercado produtos mais conectados as as demandas publico mais exigente. O tempo passou e a Ford viu seus números de vendas do Fiesta (único carro de passeio montado em Sao Bernardo do Campo) despencarem, com um total de emplacamentos do modelo em 2018 não chegando a 15.000 unidades enquanto modelos similares dos concorrentes atingiam a casa de quase 200.000 carros comercializados.  Nos segmentos de utilitários médios  e caminhões a Ford viu seus F-4000 e Cargo serem atropelados em vendas nas ruas e rodovias por modelos da Hyundai e Volkswagen - Man. 

 

Em resumo, quem na verdade ao longo do tempo decidiu pelo fechamento da fabrica não foi a empresa e sim seus clientes , isto mais uma vez comprova a irrefutável tese que o mercado e suas tendencias devem  ser pesquisadas , analisadas e compreendidas todo dia. A receita do sucesso de hoje pode ser o inicio do fim amanhã. Por isso " Repense diariamente seu Negócio , sua Estratégia, sua Equipe, Crie, Inove e Faça..."

 

Em tempo ainda, eu no passado fui um dos muitos que suspirou  e sonhou ao ver passar um Escort XR3 nas ruas dominadas por caminhões F-4000 e F-12000. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

POSTS RECENTES
Please reload

Entre em Contato

           Tel./Whatsapp : 019 98266-5500

atendimento@teamwork.com.br

  • YouTube Social  Icon
  • LinkedIn Long Shadow
  • Facebook Long Shadow
  • Twitter Long Shadow

© 2017 por Teamwork® / Marca Registrada